Qualidade de vida: troque o “projeto verão” por um “projeto vidão” Qualidade de vida: troque o “projeto verão” por um “projeto vidão”

BLOG

Qualidade de vida: troque o “projeto verão” por um “projeto vidão”

Mulher magra e sorridente de pele clara e cabelos castanhos presos em um rabo de cavalo, levantando os braços em sinal de comemoração.
03 de janeiro de 2022

A chegada do verão nos convida a olhar com mais atenção para o nosso corpo, afinal, as altas temperaturas exigem menos roupa, deixando mais pele à mostra. E se estando em paz com a nossa aparência, sentimos nossa qualidade de vida aumentar, por que nos preocupamos com isso somente no verão e não durante o ano todo? Confira o artigo e saiba por que trocar o seu “projeto verão” pelo “projeto vidão”.

A autoestima como aliada da saúde

Além de influenciar em aspectos como a nossa autoestima, os bons hábitos impactam diretamente em nossa vitalidade e auxiliam ainda no combate à múltiplas doenças (ou pelo menos nos tornam mais fortes para enfrentá-las, como é o caso da Covid-19).

Construir uma vida saudável não é difícil, apenas requer constância em pequenos hábitos diários. Separamos a seguir algumas dicas para ajudar você a se tornar mais saudável e ampliar sua qualidade de vida. Confira:

Não deixe para iniciar seu “projeto vidão” só na segunda-feira

Inicie sua mudança de hábitos independente do dia da semana que for, sem procrastinar. Isso ajudará a sua mente a entender que os novos hábitos agora fazem parte de todos os dias da sua vida, e não somente no começo da semana.

Entenda que os novos hábitos não devem ser vistos como um “peso” ou uma obrigação, caso contrário não conseguirá mantê-los a longo prazo. Ao invés disso, encare-os como facilitadores para o seu objetivo e para o aumento da sua qualidade de vida.

Não queira fazer tudo do dia para a noite

Evite ser o tipo de pessoa “oito ou oitenta”. Mudanças muito bruscas na rotina podem impedir a constância do projeto e desanimá-lo. Insira gradualmente hábitos sustentáveis, para que você consiga aderi-los com mais facilidade, tal como substituir o salgadinho do lanche da tarde por um sanduíche ou uma fruta, por exemplo.

Beba água

Levando em conta que somos formados predominantemente por água, hidratar-se ajuda em uma série de processos do nosso corpo, como digestão de alimentos, funcionamento dos rins e hidratação da pele. Beber água auxilia ainda na memória de curto prazo, melhora a atenção, reduz as dores de cabeça regulares, melhora o humor e facilita a perda de peso, contribuindo para a sua qualidade de vida.

Em geral, são indicados 2 litros de água por dia para homens e 1,6 litros para as mulheres. No entanto, é importante observar que as necessidades diárias de cada pessoa variam de acordo com uma série de fatores, como a temperatura do ambiente, quantidade de atividade física realizada e perda de suor.

Um bom indicador de hidratação é a coloração da urina: quanto mais clara for, mais hidratado você está, e quanto mais escura, mais desidratado. No que se refere à frequência, urinar entre cinco e seis vezes ao dia geralmente indica que você está bebendo a quantidade certa de líquido. Abaixo disso, possivelmente signifique que a quantidade de água ingerida não é o suficiente, e acima de 7 vezes, pode significar que você está bebendo demais. Esteja atento!

Troque alimentos processados por comida “de verdade”

Ser cuidadoso no que ingere é importante, pois uma alimentação saudável, além de prevenir doenças originadas com a obesidade, como problemas cardíacos, respiratórios e circulatórios, auxilia também no correto funcionamento do intestino.

Prefira consumir alimentos minimante processados (frutas, verduras, legumes, grãos, ovos, leite pasteurizado, carnes resfriadas ou congeladas) ao invés de alimentos processados (refrigerantes, salgadinhos, bolachas recheadas, salsicha, embutidos e macarrão instantâneo). Seu corpo agradece, e sua qualidade de vida só tende a aumentar!

Esteja ciente que a restrição leva a compulsão

Cortar de vez a cerveja com os amigos, ou deixar de comer os doces que você adora, podem funcionar por um determinado período. No entanto, havendo muito tempo de restrição podem levar ao consumo descontrolado, seja após atingir um objetivo de perda de peso (se esse for o caso), ou até antes mesmo disso.

O ideal é encontrar um ponto de equilíbrio, diminuindo a frequência de atitudes menos saudáveis e aumentando a frequência de hábitos favoráveis à sua qualidade de vida.

Quer melhorar a relação com o seu corpo?

Para mudar a sua percepção sobre o seu corpo, muitas vezes, só a atividade física e a reeducação alimentar não bastam para recuperar a autoestima. E assim como tudo que é novo, adotar um estilo de vida saudável, nem sempre é fácil.

Nesse momento, você pode buscar a orientação de um especialista para um processo mais tranquilo e seguro. A Clínica Sheila Matielo te auxilia desde o cuidado com uma boa nutrição através da nutrologia, até a parte estética, através de tratamentos faciais, corporais e capilares, aliando saúde e beleza para promover mais qualidade de vida.

Entre em contato para saber mais!

Nossa bio

icone-menor-dra-sheila-matielo

A Dra. Sheila Matielo (CRM 28.882) é graduada em Medicina pela Universidade de Passo Fundo (UFP) com especialização em Nutrologia e Medicina Estética, e com pós-graduação em Dermatologia. ?‍⚕

Assine a Newsletter

Nossas Tecnologias Nossas Tecnologias

Desfrute a beleza de bem-estar

Tratamentos e protocolos específicos para a saúde da sua pele.

Topo
Open chat